E no meio dessa confusão alguém partiu sem se despedir, foi triste.

Creio que será permitido guardar uma leve tristeza, e também uma lembrança boa.

E que houve momentos perfeitos que passaram, mas não se perderam, porque ficaram em nossa vida; que a lembrança deles nos faz sentir maior a nossa solidão; mas que essa solidão ficou menos infeliz: que importa que uma estrela já esteja morta se ela ainda brilha no fundo de nossa noite e de nosso confuso sonho?

 

LÍVIA PEREIRA SANTIAGO * 05/06/1991  + 07/06/2012

 

Missa de 1 ano

Sexta-feira – 7 de junho

Igreja Nossa Senhora de Fátima, 19hs

 

Pais – Betinha e Jesus

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.