Um caminhoneiro foi preso pela Polícia Civil na manhã desta sexta-feira (29), suspeito de matar o ajudante de 24 anos em outubro deste ano no município de Itabaiana (SE). Segundo as investigações, a motivação do crime seria porque a vítima, que fazia serviço de carga e descarga, teria se recusado a viajar com o homem para buscar esterco na Bahia.

O ajudante foi morto a tiros em frente à própria residência, no Povoado Terra Dura. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) de Sergipe, o caminhoneiro foi indiciado por homicídio duplamente qualificado por motivo fútil e uso de recurso que impossibilitou a defesa da vítima.

Os mandados de prisão preventiva e busca e apreensão foram cumpridos na casa do homem, no mesmo município, onde também foi encontrado um revólver calibre 38 e munições. “Em razão disso, também o autuamos em flagrante por posse irregular de arma de fogo”, disse o delegado Tarcísio Tenório, responsável pelo caso.

Arma encontrada na casa do caminhoneiro — Foto: SSP/SE/Divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.