Duas pessoas são mortas a tiros e uma sofre tentativa de homicídio em Itabaiana

0
757

Dois jovens foram assassinados no domingo (03) com emprego de arma de fogo e um sofreu tentativa de morte no Centro e na periferia da cidade de Itabaiana, no Agreste Central Sergipano.

O primeiro caso aconteceu por volta das 14:30 na Praça General João Pereira, onde os jovens Genisson de Jesus Mecenas de 19 anos e o adolescente Jhon Hebert Santos Sacramento de 17 anos foram alvejados a tiros.

A dupla estava se dirigindo para um veículo Chevrolet, modelo Corsa Wind, com placas de Lagarto (SE), quando foi surpreendida por um indivíduo de motocicleta que em seguida, efetuou vários disparos de arma de fogo, onde Genisson foi alvejado no tórax e Jhon Hebert recebeu um tiro na cabeça.

Os jovens foram socorridos em um veículo particular e levados para o Hospital Regional Doutor Pedro Garcia Moreno Filho, sendo que o adolescente foi encaminhado para o centro cirúrgico, no entanto, ele não resistiu ao ferimento. Já o outro foi transferido para o Hospital de Urgência de Sergipe (HUSE), em Aracaju.

Após a constatação que o adolescente não resistido, o médico plantonista, responsável pelo procedimento cirúrgico, declarou o óbito e liberou o corpo da vítima para que fosse realizado o funeral, porém durante o velório a direção do hospital comunicou a família que o mesmo seria recolhido para o exame de autopsia no Instituto Médico Legal Doutor Augusto César Leite, em Aracaju (SE), por determinação na Polícia Civil, através da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa da Delegacia Regional de Itabaiana.

Jhon Hebert havia sido apreendido no dia 22 de novembro deste ano, na companhia de Genisson e Pedro dos Santos. O fato ocorreu na rodovia João Paulo II, próximo ao Centro Equestre Maizão, no município de Campo do Brito (SE).

O trio estava em um carro parado às margens da rodovia, quando foi abordado por policiais da 1.ª Companhia do 3.º Batalhão de Polícia Militar (3.º BPM) e durante a revista foi localizado um revólver calibre 38mm, com 03 munições intactas, além de 610, 00 (Seiscentos Reais), em espécie, além de 20 dólares e 200 Deux Cents Francs.

Morte de ex-presidiário

No final da noite de domingo (03) também foi registrado o assassinato do ex-presidiário Claudiano Oliveira Góis de 21 anos.

O crime aconteceu no bairro Bananeira, periferia da cidade serrana do Agreste Central sergipano, por volta das 23 horas, onde a vítima foi morta a tiros. Durante o trabalho realizado pela Polícia Técnica Científica no local da ocorrência, os peritos encontraram na cintura da vítima uma pistola calibre 635.

Claudiano deixou o sistema prisional do Estado há cerca de 30 dias, sendo inclusive considerado de alta periculosidade.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui