Um menino de 11 anos morreu na tarde deste domingo, 11, depois de ficar preso às ferragens de uma unidade de bombeio (conhecido como cavalo mecânico) da Petrobras localizada no município de Divina Pastora.

De acordo com a Polícia Civil de Divina Pastora, a informação é de que Elisson Gabriel Correia Santos foi socorrer um amigo preso em um cavalo mecânico e na hora de retirá-lo, acabou ficando preso às ferragens.

O Instituto Médico Legal (IML) informou que os médicos legislas avalariam as lesões e identificaram sinais de ação contundente e politraumatismo no garoto de 11 anos. A outra criança, conforme informações da Petrobras, sofreu arranhões e foi liberada após avaliação médica.

A Petrobras informou que as crianças entraram em um espaço cercado com grade de proteção e sinalizado como área de risco. A empresa disse ainda que lamenta profundamente o acidente e que está dando todo o apoio às famílias

O caso já está sendo investigado e o delegado responsável pelo caso é João Martins, titular das cidades de Riachuelo e Divina Pastora.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.