delregionaldelmirogouveiauinze detentos serraram as grades das carceragens da Delegacia Regional de Delmiro Gouveia, Sertão de Alagoas, e fugiram pela porta da frente, na madrugada deste domingo (28), levando duas armas de fogo.
Ao perceberem a fuga, agentes da cidade de Piranhas, que estavam de plantão no local, acionaram o 9º Batalhão de Polícia Militar (BPM) e fizeram buscas na região, mas nenhum dos fugitivos foi encontrado. Todas as delegacias da redondeza foram informadas do fato e estão em alerta.
O delegado que está de plantão neste domingo em Delmiro, Walter Fontes, disse à reportagem do G1 que recebeu informações de que sete dos presos foram vistos descendo de uma van próximo à Arapiraca, Agreste do estado, e que agentes foram enviados ao local, mas não encontraram os fugitivos. Ele informou ainda que as investigações da fuga serão feitas pelo delegado regional da cidade, Rodrigo Cavalcante.
saiba mais
De acordo com agentes da Delegacia de Delmiro, os presos aproveitaram o momento em que os policiais e o delegado plantonista, Antônio Vieira de Barros Filho, se recolheram aos alojamentos, no primeiro andar do prédio, para se alimentar e descansar e retiraram a grade que separa as celas da sala de recepção. Os detentos haviam serrado previamente as barras de ferro e só aguardavam a oportunidade de escapar da prisão.
Ainda segundo os policiais, os fugitivos arrombaram dois cadeados. As armas levadas foram um revólver calibre 22, apreendido em um flagrante de porte ilegal de arma, e outro calibre 38, que estava na gaveta da recepção e pertencia a um dos agentes.
Os presos que fugiram são: Adriano João dos Santos, preso por força de um mandado; Agenor José do Nascimento Filho; Alessandro da Silva; André Alves da Silva, que foge pela segunda vez da mesma delegacia; Edson João da Silva; Eraldo Gomes da Silva, preso por tráfico de drogas; Evandro dos Santos; José Cicero da Silva; José Edinaldo Sena Rodrigues; José Rodrigues da Silva; José Sandro de Brito, autuado por estupro; Leonardo da Silva Pereira; Manoel Sebastião Oliveira da Silva; Paulo Teixeira dos Santos; e Ubiratan Ferreira de Oliveira, também preso por tráfico.

Fotos:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.