A Polícia Militar prendeu, nesta terça-feira (28), na divisa entre Alagoas e Pernambuco, o trabalhador rural José Afrânio Silva. Ele é acusado de assassinar o pai e a mãe e, em seguida, enterrá-los em uma cova rasa nos fundos de casa em que morava, que fica no Povoado Pai Mané, em Dois Riachos.

Foram encontrados mortos José Terto da Silva e Concília Maria da Silva. José Afrânio foi preso após denúncias de parentes e vizinhos, que relataram o crime à polícia. De acordo com os primeiros levantamentos, os pais do acusado foram mortos com uma barra de ferro e enterrados nos fundos da casa, que fica distante das demais residências do povoado.

noticia_19506Conforme informações de agentes da Delegacia de Dois Riachos, José Afrânio teria assassinado os pais na frente do sobrinho. Ele teria sido agredido pelos parentes para confessar e fugido após saber que os familiares comunicaram a morte à Polícia Civil.

José Afrânio está internado no Hospital Clodolfo Rodrigues, em Santana do Ipanema, devido às agressões que sofreu dos próprios familiares. Ele foi abandonado em uma estrada, segundo a polícia, depois que os parentes pensaram que ele havia morrido por conta das agressões.

A Polícia Civil informou ainda que o acusado seria usuário de drogas e que o juiz da cidade teria determinado sua internação compulsória.

Repórter colaborador Jean Carlos Clarindo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.