Mandados de busca e apreensão foram cumpridos na manhã desta quarta-feira (22) em residências, empresas e órgãos públicos dos municípios sergipanos de Indiaroba e Lagarto, além de Salvador e São Sebastião do Passé (BA). De acordo com o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Estado de Sergipe (MP-SE), a ação faz parte da Operação Divisa, que apura supostos desvios de recursos públicos na prestação de serviço de coleta de lixo.

As investigações correm em sigilo e analisa contratos com dispensas de licitação aparentemente fraudulentas, contratações emergenciais forçadas, com indícios de ausência de prestação dos serviços.

Até o momento ninguém foi preso. Os mandados, expedidos pelo desembargador do Tribunal de Justiça de Sergipe, Diógenes Barreto, foram executados por equipes dos ministérios públicos de Sergipe e da Bahia, com apoio operacional das polícias Civil e Militar sergipanas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.