Terror, pânico e morte. A cidade de Itaji, a 400km de Salvador, amanheceu debaixo de lágrimas e sangue. No início da noite de terça-feira (4), a série de assassinatos começou na região do Retiro, na localidade Riahão do Velho Teté, por volta das 16h. Segundo a polícia, o assassino foi identificado como João Bispo da Silva, conhecido como João Tatu, que estava fora da cidade havia meses.

Mas, na tarde de ontem, testemunhas que prestaram depoimento à polícia local contaram que João Tatu chegou de surpresa na cidade e gritou aos quatro cantos que mataria quem tivesse rixa com ele. Na lista das desavenças estavam o sogro e sogra da vítima e mais quatro pessoas. São elas: Eterno Barbosa Alves, 40 anos, Joana Pereira do Carmo, Eurides Alves Barbosa, 77 anos, M.V.A, 57 anos e Helio Vieira, 45 anos. Todos foram brutalmente assassinados a tiros e facadas.

M.V.A. morreu no hospital, na manhã desta quarta-feira (5), atingida com um tiro na boca. Já o corpo de Hélio foi encontrado por volta das 5h de hoje. Segundo a polícia, João Tatu já carrega nas costas mais um homicídio. A vítima teria sido um jovem, morador de Itaji, mas que morava em Minas Gerais, onde o jovem foi morto por João há cerca de dois meses.

Por conta da barbárie, o prefeito da cidade, Railton Ramos (PT) decretou luto e mandou fechar as escolas de Itaji. Um velório coletivo será relizado no ginásio Ana Lúcia Magalhães. A polícia de Itaji e Jequié estão mobilizadas à procura de João, que está foragido.
HS 24 horas /Com informações do Bocaõ News


Colaboraram com a matéria, Elton Bispo, da Rádio Cidade Sol FM, 94,9 FM e Irlan Vieira – Rádio Educadora de Ipiaú

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.