noticia_25998Policiais militares lotados na 3°CIA do 3°BPM, sediada em Girau do Ponciano, realizaram a prisão de dois indivíduos na manhã desta segunda-feira (19), no Sítio Olho D’Água da Cerca, na zona rural de Traipu. A dupla foi presa com uma arma de fogo, uma moto com chassi adulterado e um documento falsificado do veículo.

Por volta das 09h a Polícia Militar recebeu uma ligação informando que havia dois indivíduos efetuando disparos de arma de fogo na região. Ainda segundo informações, a dupla estava em uma moto CB 300R de cor amarela e placa NMG-6117.

Imediatamente o capitão Silva Junior, comandante da 3°CIA, acionou viaturas das cidades vizinhas para ajudar nas buscas. Atuando em conjunto, as guarnições da PM realizaram um cerco na região e conseguiram encontrar os meliantes. Os dois indivíduos estavam bebendo em frente a uma residência localizada no Sítio Olho D’Água da Cerca.

Durante a abordagem os militares encontraram um revólver calibre 38 com uma munição intacta e três capsulas deflagradas; uma moto com o chassi adulterado; dois capacetes, sendo um preto e um rosa, além de um documento falso de porte obrigatório.

Os indivíduos foram identificados por Charles Junior Damasceno de Farias, 20 anos, e Edvaldo Santos da Silva, 22 anos. O primeiro já havia sido preso outras duas vezes, sendo acusado de receptação de veículo roubado e suspeito de cometer um homicídio no dia 08 de fevereiro de 2012, no bairro Ouro Preto. Segundo informações colhidas pela Assessoria de Comunicação do 3°BPM, os dois residem no bairro Primavera.

A dupla foi encaminhada para a Central de Polícia Civil de Arapiraca onde foi lavrado um auto de prisão em flagrante delito.

Para o capitão Silva Junior, que participou da ação policial, essa prisão pode ser atribuída a grande migração de criminosos da cidade de Arapiraca para os municípios vizinhos, principalmente na região que abrange Feira Grande, Lagoa da Canoa, Girau do Ponciano e Traipu. “Nos últimos três meses nós prendemos oito indivíduos nessa área, todos oriundos da cidade de Arapiraca”, afirmou o comandante da 3°CIA.

A Polícia Militar solicita o apoio da população para que mais ações como esta sejam realizadas no Estado. Para contribuir basta acionar o Disque-Denúncia, através do número 181, e passar informações importantes sobre a ação de criminosos que atuam na região. As denúncias podem ser realizadas a partir de qualquer terminal telefônico, inclusive por telefones públicos. Não há a necessidade de identificação.

HS 24 horas -De olho na notícia /Fonte:  7 Segundos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.