Inspetor e funcionária da limpeza foram afastados de colégio público. Secretaria de Educação abriu sindicância para apurar o caso.
Inspetor e funcionária da limpeza foram afastados de colégio público.
Secretaria de Educação abriu sindicância para apurar o caso.

Um inspetor e uma funcionária contratada pela Comlurb para prestar serviços de limpeza na Escola Municipal Quintino Bocaiúva, na Zona Norte do Rio, foram afastados nesta segunda-feira (2) após serem flagrados fazendo sexo em um vídeo nas dependências do colégio. O vídeo foi encontrado por um aluno que publicou as imagens numa rede social .

De acordo com a Secretaria Municipal de Educação, foi aberta uma sindicância pela 5ª Coordenadoria Regional de Educação para apurar o caso. A secretaria informou ainda que o fato filmado ocorreu fora do horário escolar e ressaltou que não admite este tipo de conduta inadequada por parte dos funcionários.

A Comlurb informou que a gari já foi afastada da escola e que todas as providências, de acordo com as regras trabalhistas, serão tomadas.

HS 24 horas – De olho na notícia

 

Vídeo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.