Prefeito de Poço Redondo aguarda decisão que poderá ensejar na cassação do mandato

0
184

MANDATO SOB RISCO

Alvo de uma ação de investigação judicial, o prefeito de Poço Redondo, Dr. Júnior Chagas, aguarda o juízo da 28ª Zona Eleitoral de Canindé proferir sentença que poderá ensejar na cassação do seu mandato.

ACUSAÇÕES

Ademilson Chagas Júnior (PRB) e o seu vice, Manoel Rodrigues da Silva (SD), são acusados de captação ilícita de sufrágio (compra de votos), abuso de poder econômico, arrecadação irregular de receitas e gastos ilícitos durante a campanha eleitoral de 2016.

RAZÕES FINAIS

As alegações finais das partes envolvidas foram apresentadas em novembro do ano passado. O juízo da 28ª zona eleitoral deverá emitir, nos próximos dias, sentença que poderá cassar o mandato ou absolver os réus das acusações feitas pelo Ministério Público Eleitoral.

PROCESSO ANTERIOR

Vale lembrar que o prefeito e o vice já foram absolvidos em uma outra ação de investigação judicial eleitoral no ano passado. A coligação “Na Caminhada do Povo o Futuro de Todos” havia demandado a justiça afim de que os dois respondessem crime de compra de voto, abuso do poder e ameaça. O processo foi arquivado pela justiça eleitoral de Canindé.

Número do processo – Nº 0000453-47.2016.6.25.0028 

Welder Ban | Panorama Político
Uma análise da política de sergipana como ela deve ser: sem censura!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here